/

Palestrantes Renomados

/

Pùblico Qualificado

/

Oportunizar Novos Negócios

Apresentação

/

Produção de Cavaco.


/

Produção de Biomassa.


/

Produção de Madeira de Eucalipto.


A utilização dos biocombustíveis tem sido acompanhada de discussões sobre a sustentabilidade e a viabilidade financeira das cadeias produtivas. Esta tendência decorre da necessidade de reduzir os custos com energia, diminuir as emissões de gases nocivos ao meio ambiente, em detrimento a redução do consumo de combustíveis não renováveis. No Brasil, aproximadamente 25,9% do consumo doméstico bruto de energia é derivado de produtos da biomassa florestal (lenha e carvão), além de um consumo de 24,8% pelo setor agropecuário e 12,8% pelo setor industrial. Além disso, segundo a ANEEL (2014), a biomassa representa 30% dos empreendimentos de co-geração em operação no país. No setor de florestas plantadas existe um grande potencial de geração de energia não só de resíduos de madeira, mas também de florestas plantadas dedicadas para geração de energia. Considerando a utilização mais eficiente de parte dos 170 milhões de hectares de pastagens extensivas e subutilizadas no Brasil, mais de 130GW – mais do que toda a capacidade elétrica instalada no Brasil – poderiam ser provenientes de florestas plantadas de forma sustentável, colocando o Brasil em destaque na geração de energia térmica e elétrica.



/

Produção de Carvão vegetal