Minas Discute Pragas e Doenças Florestais

Publicado em

A capital mineira recebe nos dias 25 e 26 de abril de 2017, o II Seminário sobre Sanidade Florestal. Promovido pela SIF – Sociedade de Investigações Florestais e pela Clonar Resistência a Doenças Florestais, o evento acontece nas dependências do CREA-MG, (Av. Alvares Cabral, 1.600 –Santo Agostinho ).

O manejo da sanidade de plantas visa entender e suplantar os fatores bióticos e abióticos que limitam as plantas de expressarem o máximo do seu potencial genético atingível.

Coordenado pelo professor Acelino Couto Alfenas (UFV ), o seminário vai debater temas como:

Impactos e combate de formigas cortadeiras em plantações florestais-Prof. Norivaldo dos Anjos Silva (UFV); Identificação e impactos econômicos de doenças em teca -Prof. Rafael Ferreira Alfenas (UFMT); Estratégias de manejo integrado para mitigar a disseminação de pragas e doenças florestais no transporte de plantas e suas partes vegetativas-Dr. Edival A. V. Zauza (Suzano Papel e Celulose); Biotecnologia como ferramenta visando à proteção florestal-Dr. Rodrigo Neves Graça (Futuragene); Desenvolvimento de métodos modernos para diagnose de bacterioses fitopatogênicas em plantas de eucalipto-Drª. Cláudia Nohemy Montoya Estrada ( UFV); Monitoramento de doenças e pragas em eucalipto e pinus na Klabin-

Engª. Mariane Bueno de Camargo – Klabin; Etiologia e manejo do distúrbio fisiológico do eucalipto-Dr. Reginaldo Gonçalves Mafia (Fibria);Programa nacional de controle da vespa-da-madeira em plantações de pinus e controle microbiano da broca-da-erva-mate-

Drª Susete do Rocio Chiarelo Penteado ( Embrapa Florestas ); O uso de defensivos químicos no manejo integrado de pragas e a certificação florestal – foco FSC”-Dr. José Eduardo Petrilli Mendes (Fibria); Novas tecnologias para diagnose da podridão do lenho de árvores urbanas-Prof. Vinicius Resende de Castro ( UFV); Perdas econômicas por Erwinia psidii e manejo de doenças e pragas na CMPC -Eng. Norton Borges Júnior (CMPC Celulose Riograndense); Melhoramento genético e seleção de clones resistentes a doenças bióticas na cultura do eucalipto -Dr. Lúcio Mauro da Silva Guimarães (Clonar/UFV); Monitoramento e controle biológico de pragas em plantações de eucalipto-Engª. Bianca Vique Narde( JB Biotecnologia); Melhoramento genético para resistência à geada -Prof. Gleison Augusto dos Santos (UFV); Relação entre nutrição mineral e doenças em espécies florestais -Prof. Nairam Félix de Barros (UFV); Estratégias para redução da intoxicação de plantas de eucalipto pelo glifosato-Prof. Lino Roberto Ferreira (UFV); Enfermidades de pinus no Chile, ainda não detectadas, mas potencialmente importantes no Brasil -Prof. Eugenio Sanfuentes (Univerdad de Concepción, Chile); Estresses hídricos na eucaliptocultura - Dr. Clayton Alcarde ( Suzano Papel e Celulose );Uso de vírus para controle de Ralstoniasolacearum, um importante patógeno da cultura do eucalipto-Profª Poliane Alfenas Zerbini ( UFV); Estratégias de manejo integrado de plantas daninhas do tipo folha-larga -Prof. Caio Carbonari (Unesp Botucatu); Registro de fungicidas na eucaliptocultura-Prof. Edson Luiz Furtado (UNESP Botucatu).

O evento tem o patrocínio das empresas BASF, BAYER, DINAGRO AGROPECUARIA, FIBRIA, FAPEMIG, FUNARBE, UNIBRÁS AGRO QUIMICA. TIMAC AGRO,  SUZANO  e  SYNGENTA.    

www.sif.org.br